terapia pra mim é, sobretudo, olhar para si mesmo, se escutar de verdade. minha escrita sempre foi uma forma de dizer o que vejo quando olho através do espelho, como alice, sempre em busca de um coelho branco e dos seus segredos.

aprendi que perfeição não existe, pelo menos, não no sentido comum… ver beleza no que não é perfeito talvez seja até mais profícuo. ainda tenho muitas mágoas par curar; teias de aranha para limpar; precisa muita linha na agulha pra remendar um tecido rasgado e bordar desenhos novos.

como diz a canção <é preciso ter pavio aceso pro lampião do coração não se apagar>. vamos seguindo que ainda há muita estrada a desbravar.

2 Comentários

  1. Fiz terapia durante dois anos há um tempo, e eu achei que tinha me ‘curado’ de todas as mágoas, achei que já tinha enchido os ouvidos da minha terapeuta ela que já tinha me dito que minha dor não era menor ( a de ninguém é) e importava muito tudo aquilo que eu falava. Hoje fico feliz por estar retomando meus acompanhamentos terapêuticos e ido além combinando tratamento psiquiátrico também.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s